O Esporte na deficiência: integração e possibilidades

O trabalho da docente Elisabeth de Mattos está intrinsecamente relacionado ao curso comunitário de Natação Inclusiva da EEFE-USP. Isso porque o programa é fruto de sua tese de doutorado, defendida em 1996. O que começou com uma turma de 12 voluntários de pesquisa com limitações motoras hoje se tornou uma atividade de extensão permanente que oferece cerca de cem vagas semestrais – em geral lotadas.

Atualmente, o curso atende pessoas a partir dos oito anos de idade com deficiência sensorial, motora ou cognitiva. Quando há vagas, também são aceitas pessoas com patologias psiquiátricas. A professora explica que o objetivo primordial do curso é ensinar o aluno a nadar e, quando possível, ter independência na água, mesmo que seja com o auxílio de um material como a bóia ou flutuador. A intenção é estimular que eles tenham prazer na atividade e aprendam a realizar uma atividade física benéfica a sua saúde.

untitled-321

Os exercícios ministrados no curso de Natação Inclusiva não diferem tanto da Natação regular em termos de objetivo. A principal diferença, explica a professora, é no tempo de aprendizagem e sequência pedagógica. Um aluno que não movimenta as pernas, por exemplo, aprenderá a boiar e se deslocar sem o uso desses membros. Quando necessário, também é realizado um acompanhamento individualizado por um estagiário ou educador segundo as necessidades do aluno.

Outro diferencial do curso é a presença de acompanhantes sem deficiência em algumas aulas, em geral amigos ou familiares dos alunos. Segundo a professora, o benefício dessa integração é duplo – tanto para o aluno em termos de autoestima quanto para o acompanhante em termos de confiança e motivação, pois é possível observar todo o potencial de alunos que, na teoria, teriam muitas limitações para realizar qualquer atividade física.

2010-10-22- Natação inclusiva (56).jpg

A identificação desse potencial de cada um é citada por Elisabeth como o principal benefício da Natação Inclusiva. Ao longo das aulas e de seu desenvolvimento, os alunos começam a se sentir capazes de realizar as atividades. Muitos deles são instruídos a procurarem um treinamento mais avançado em Academias e Clubes. A professora relata casos de alunos que se tornaram atletas em competições para pessoas com deficiência. Ela defende que, no Brasil, o maior desafio em termos de inclusão no esporte é “a compreensão das possibilidades, tanto dos praticantes quanto do entendimento dos instrutores e avaliadores”.

Em suas aulas de graduação, a docente procura demonstrar aos alunos esse potencial e as possibilidades do esporte adaptado, juntamente com suas especificidades. Para isso, ela promove atividades práticas e vivências com atletas com deficiência, técnicos e outros especialistas de diversas modalidades como futebol de cegos, bocha adaptada ou basquete em cadeira de rodas.

2011-04-05- Esporte e Deficiência - Goalball 069

Para a professora, é importante que os graduandos em educação física saibam que existe hoje um promissor mercado específico para o esporte com deficiência e que isso pode ser visto como uma possível carreira para quem se identifica com a área. Ela cita o caso do ex-aluno da EEFE, Rui David Marques, que começou a se interessar pelo assunto durante a disciplina e atualmente é considerado um dos 10 maiores árbitros de basquete em cadeira de rodas do mundo.

Considerando tantas possibilidades de atuação no esporte adaptado, Elisabeth explica sua preferência pela natação inclusiva por ter sido nadadora e sempre ter gostado do meio aquático: “A água é um meio que, se entendido em sua amplitude, pode abrir um enorme leque de possibilidades. Como sempre gostei de servir ao público e auxiliar pessoas, esse curso veio coroar minhas expectativas profissionais”.


Saiba mais:

Currículo Lattes de Elisabeth de Mattos

Contato

Curso Comunitário – Natação Inclusiva na EEFE

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s